ANUNCIE AQUÍ

ANUNCIE AQUÍ

Internet da Bahia

Internet da Bahia

sábado, 5 de junho de 2021

Vice-Prefeito de Capim Grosso não resiste e morre por complicações da Covid-19


Faleceu na tarde desde sábado (05),  por complicações em decorrência da Covid-19, o vice prefeito de Capim Grosso, Frank Neto.

Na noite de ontem(sexta), um boletim informava da gravidade do quadro clínico, após a  retirada da sedação. 

Frank estava internado no Hospital do Subúrbio em Salvador, desde o último dia 10 de maio, quando foi transferido da UPA 24 de Capim Grosso.

O Blog do Ril de Beto lamenta a precoce morte do amigo Frank, ao tempo que se solidariza com a família enlutada..

Blog do Ril de Beto

Homem é Assassinado a tiros dentro de carro no contorno de Antônio Gonçalves


Imagens do site AG Notícias

Um Homem identificado por Silvio Santana, foi morto a tiros no início desta tarde de sábado 5 de junho, por volta das 12:30 no contorno da saída da cidade de Antônio Gonçalves com destino a Senhor do Bonfim.

Segundo informações que chegaram na nossa redação que o músico, Silvio estava dentro do seu veículo, Gol de cor verde, quando o mesmo foi alvejado por disparos de arma de fogo vindo a óbito no local .

Imagens do site AG Notícias

A autoria e motivação do crime são desconhecidas. 

Silvio era muito conhecido em Antônio Gonçalves e região, além de cantor era também artesão
Informações AG Notícias


quinta-feira, 3 de junho de 2021

Segunda parcela do programa Bolsa-Presença será paga no dia 10 de junho, diz Rui

 

Segunda parcela do programa Bolsa-Presença será paga no dia 10 de junho, diz Rui
Foto: Divulgação / GOVBA

O governador Rui Costa (PT) afirmou, durante o programa Papo Correria na noite desta terça-feira (1), que a segunda parcela do programa Bolsa-Presença será paga no próximo dia 10 de junho. O programa beneficia famílias com filhos matriculados na rede estadual de ensino e em condição de vulnerabilidade socioeconômica.

Esta será a segunda parcela no valor de R$ 150. A previsão inicial do governo é de pagamento de seis parcelas. O programa beneficia 300 mil famílias, de acordo com divulgação estatal. O investimento total no programa é de R$ 280 milhões. 


Por Mari Leal

Bahia: Governo do Estado paga nova parcela do programa Mais Futuro para universitários

O Governo da Bahia credita, nesta quinta-feira (03/06), mais uma parcela do programa Mais Futuro para os estudantes universitários das quatro universidades estaduais baianas (Uneb, Uesc, Uefs e Uesv). A iniciativa, que conta com um investimento de R$ 3.649.800 milhões, beneficia 9.379 estudantes que recebem bolsas de R$ 600 para os do Perfil Moradia (que estudam a mais de 100 quilômetros dos locais onde moram) e R$ 300 para os do Perfil Básico (que estudam no mesmo lugar onde moram).


No total, de janeiro a maio deste ano, já foram repassados para o programa R$ 14.715.300 milhões em recursos próprios do Estado. Desde a criação do programa, foram lançados seis editais, alcançando o atendimento superior a 18 mil estudantes, através do pagamento exclusivo da assistência estudantil.

Para a estudante Larissa de Oliveira, 24 anos, que cursa Administração no Campus XII da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), em Guanambi, a bolsa de R$ 600 é essencial para se manter nos estudos, já que teve que se mudar de Santa Maria da Vitória, sua cidade.

“O Mais Futuro é de grande importância na minha vida pessoal e acadêmica, pois é através dele que consigo ter o suporte necessário para me manter e continuar os meus estudos fora de casa. Sem o auxílio, seria extremamente difícil concluir meu grande objetivo, que é ter um diploma”, afirmou Larissa.

O coordenador executivo de Projetos Estratégicos da Secretaria da Educação do Estado (SEC), Marcius Gomes, destacou a importância do benefício para os universitários contemplados. “Assim como o Bolsa Presença e o Vale-alimentação Estudantil, que beneficiam estudantes da Educação Básica da rede estadual, o Mais Futuro é um importante programa de assistência voltado para os universitários das nossas universidades estaduais. São dois perfis de bolsas que auxiliam os estudantes, de acordo com a sua realidade, nas despesas básicas durante os seus estudos. Além disso, o beneficiado possui prioridade para o ingresso em vagas de estágio no terço final da graduação”.

Mais Futuro

É um programa de assistência estudantil criado pelo Governo do Estado para garantir a inclusão social e a permanência dos estudantes que se encontram em condições de vulnerabilidade socioeconômica nas universidades públicas estaduais.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado

Jaguarari: Veículo Palio capota após bater na traseira de picape na BR 407

Na manhã desta quinta-feira (03/06), foi registrado um acidente na altura do Km 97, da BR 407, imediações da “Ladeira do Maracujá”, próximo ao distrito de Juacema, zona rural de Jaguarari. O acidente envolveu um Fiat Pálio e uma picape Fiat Strada. 

De acordo com informações, os dois veículos seguiam sentido Jaguarari, quando por motivos desconhecidos o Pálio colidiu na traseira da picape e, capotou em seguida. Os condutores dos veículos de Senhor do Bonfim e Campo Formoso, foram encaminhados com ferimentos leves para o Hospital Municipal de Jaguarari. 

A Policia Rodoviária Federal esteve no local registrando a ocorrência.

Portal Jaguarari

Filadélfia receberá pavimentação asfáltica no Centro da cidade.


Dar adeus à poeira e buracos no calçamento e ter as ruas do centro da cidade asfaltada, será realidade em breve no município de Filadélfia. As obras de pavimentação serão realizadas pelo Governo do Estado. 

Conforme foi divulgado nas redes sociais em um Card pelo o ex prefeito Barbosa Júnior. o asfalto foi indicação dos deputados Estaduais Roberto Carlos e  Diego Coronel.


Uma conquista para os munícipes que sonhavam em ver o centro da cidade asfaltada e agora em breve se tornará realidade.



Filadélfia em Notícias. Adaptação textual : Portal de Filadélfia News

domingo, 30 de maio de 2021

Dois corpos são encontrados na Serra do Tombador em Jacobina

Na manhã deste domingo (30/05/2021), a Guarda Civil Municipal (GCM) de Jacobina foi acionada para verificar uma denúncia de que dois corpos haviam sido encontrados na Serra do Tombador, zona rural do município cortada pela rodovia BR-324.

Duas equipes da GCM, da sede e do distrito de Lages do Batata, foram ao local e constataram a veracidade, sendo os corpos de dois homens já em estado de decomposição. Segundo a GCM, a suspeita é de que eles tenham sido mortos em outro lugar e jogados da ponte no alto da serra para a ribanceira.
Os guardas municipais fizeram o isolamento do local e acionaram o Departamento de Polícia Técnica (DPT) para a realização de perícia, recolhimento dos corpos e identificação das vítimas. 

Fonte: Jacobina Notícias

Médico que foi morto na Bahia tinha programa social e fazia atendimentos gratuitos: ‘Tudo era por conta dele’, diz enfermeira

 

O médico Andrade Lopes Santana, 32 anos, que foi encontrado morto dentro do Rio Jacuípe, em São Gonçalo dos Campos, a cerca de 115 km de Salvador, tinha um programa social e fazia atendimentos gratuitos na cidade de Araci, onde ele morava e trabalhava na Bahia.

De acordo com a enfermeira Luize Keilane, que trabalhava com Andrade, todos os atendimentos já feitos pelo programa eram custeados pelo próprio médico.

“Ele simplesmente atendia de graça [gratuitamente] as pessoas mais pobres nas comunidades. Tudo era por conta dele. Os transportes que levava a gente, o combustível, tudo”, contou ela.

O corpo de Andrade foi enterrado neste sábado (29), no Cemitério Paroquial de Araci, sob forte comoção. Os moradores da cidade fizeram um cortejo antes do sepultamento da vítima.

O carro com o corpo dele saiu da casa onde Andrade morava. O cortejo parou na frente da Câmara de Vereadores para homenagem e depois seguiu para o cemitério, onde a vítima enterrada.

A mãe da vítima, Dormitília Lopes, falou sobre o momento em que encontrou o suspeito do crime, que foi o responsável por registrar o desparecimento de Andrade na delegacia de Feira de Santana. Geraldo Freitas foi preso na sexta-feira (28), horas após o corpo de Andrade ser encontrado.

A mãe da vítima disse não ter ódio de Geraldo e afirma que o perdoou pelo crime, mas que espera que ele seja condenado pela morte do médico.

“Eu quero que a sociedade dê uma olhada no assassino, para ele ir preso. Ele não pode ficar solto. Eu perdoei ele. E às vezes as pessoas dizem: ‘Você perdoou, mas quer que ele vá preso’. Eu quero que ele vá preso, não que ele morra. Ele tem que viver para ver a dor de uma mãe. Ele tem que sentir por muito tempo a dor que eu estou sentindo”.

Ela também lembrou momentos que passou com o filho, que nasceu no Acre, e falou sobre o cuidado que ele tinha com os pacientes de Araci.

“Uma vez ele me deu um abraço e disse: ‘Mãe, às vezes eu nem curo com o remédio, é com o carinho’. Ele dava abraço, e como ele era altão, colocava debaixo do braço e abraçava. Era aquele amor que ele tinha de cuidar, que as pessoas vivendo nesse mundo não têm mais aquele carinho especial, que as pessoas merecem ter uns pelos outros”.

Dormitília disse que está sentindo a dor da falta do filho e da presença dele, mas que está tranquila porque sabe que Andrade construiu um bom legado e ajudou muitas pessoas.

“Eu estou com muita dor no coração, porque eu perdi a presença do meu filho. Diante de que já perdi a presença dele, eu estou feliz porque eu tenho certeza que meu filho está ao lado de Jesus. Ele está melhor do que nós, longe desse mundo perverso, de ego, onde nós vivemos. Onde as pessoas têm inveja, ciúmes, ambição. O meu filho vivia a vida intensamente. Hoje eu estou entendendo porque o meu filho vivia intensamente”.

A perícia do Departamento de Polícia Técnica (DPT) constatou que Andrade foi morto com um tiro na nuca. O suspeito ainda prendeu uma âncora, amarrada a uma corda no braço da vítima, para evitar que o corpo emergisse nas águas do rio.

“Meu filho foi morto de joelhos, com um tiro na nuca. Meu filho se ajoelhou e ele teve oportunidade de pedir perdão a Deus, de não ter dedicado mais o tempo dele ao senhor. Ele cuidava do próximo”.

Dormitília também falou sobre como as pessoas paravam ela em Araci, para falar sobre os feitos do filho e sobre como ele era querido pela população.

“Eu ia passando e as pessoas gritavam: ‘O seu filho fez isso por mim’. As meninas, as crianças, os senhores. Eu fui muito bem cuidada pelo povo daqui. Hoje eu entendi mais uma coisa: a bíblia fala de honra. O meu filho tinha que vir para Araci, aonde ele teve a honra que merecia. Deus botou ele no meio de um povo que viu o amor que ele tinha no coração, pelas pessoas mais humildes, pelas pessoas necessitadas”. “

O corpo de Andrade foi encontrado no Rio Jacuípe na manhã de sexta-feira (28). Horas depois, o colega dele, identificado como Geraldo Freitas, foi preso. O homem foi o responsável por registrar o desparecimento do amigo na delegacia de Feira de Santana.

Geraldo estudou medicina com Andrade, em uma faculdade na Bolívia. Concluído o curso, os dois se mudaram para o interior da Bahia, para trabalhar.

De acordo com o delegado Roberto Leal, que é coordenador de polícia na região de Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Araci, o suspeito chegou a receber os familiares da vítima, que moram no Acre, quando eles chegaram na Bahia. Ele informou ainda que a polícia investiga se há participação de outras pessoas, além da motivação do crime.

De acordo com os peritos do Departamento de Polícia Técnica (DPT), foi constatado um disparo de arma de fogo na nuca e uma corda no braço amarrada a uma âncora para o corpo não emergir nas águas do rio Jacuípe.

O delegado informou que a polícia começou a suspeitar de Geraldo Freitas após contradições apresentadas no depoimento. Depois, foi identificado que ele foi quem comprou a âncora encontrada com o corpo da vítima.

Ainda segundo a polícia, o suspeito e a vítima tinham combinado de andar de moto aquática. A versão apontada pelo colega de Andrade na delegacia era a de que o amigo tinha comentado que sairia para comprar a moto, o que foi descartado.

Uma moto aquática foi encontrada no condomínio onde o suspeito foi preso, no início da tarde de sexta-feira, em Feira de Santana.

A mãe de Andrade, Dormitília Lopes, contou que já esperava receber a notícia de que o filho estava morto quando viajou para acompanhar as investigações na Bahia.

Andrade havia desaparecido na segunda-feira (24), depois de sair de Araci, a 220 km de Salvador, com destino a Feira de Santana. Natural do Acre, o médico se mudou para a Bahia em 2016, para exercer a medicina. Ele trabalhava como psiquiatra em uma unidade de saúde de Araci e em mais outras três cidades baianas.

Motorista, fica preso entre as ferragens após veículo capotar na BA 131, entre Pindobaçu e Antônio Gonçalves

 https://lh3.googleusercontent.com/-SpOxtIdT-xI/YLQTk_DbiQI/AAAAAAAAFG0/78GVJZYEYtEFeBxzHSRo3gOJFNkhe6dNgCLcBGAsYHQ/image.png

 Na tarde deste domingo, 30 de maio de 2021, o condutor de um veículo Classic capotou na BA 131, entre os municípios de Pindobaçu e Antônio Gonçalves, na região de Senhor do Bonfim.

A pista segue em manutenção, recebendo uma nova camada asfáltica através do Governo do Estado e presume-se que o condutor perdeu o controle da direção em um trecho que há muita brita na via.

Não há informações sobre o estado de saúde do condutor que ficou preso às ferragens, devendo ser socorrido para atendimento médico.


Fonte: Augusto Urgente!


Guarda Municipal é afastado após revidar tapa na cara em ex-vereadora na Bahia

Um guarda municipal foi afastado da função após uma confusão com uma ex-vereadora em Conceição do Coité, no fim de semana, no meio da rua. O...